Revista Contra-Relógio
// No Foco //

USAIN BOLT: um cara “normal”

Edição 192 - SETEMBRO 2009 - YARA ACHÔA


A marca de 9.58 nos 100 metros rasos e os 19.19 nos 200 do Mundial de Atletismo em Berlim, na Alemanha, novos recordes mundiais, mais uma vez fez com que os holofotes apontassem para o jamaicano Usain Bolt, que ainda ajudou seu país a conseguir ouro também no 4 x 100 m. Claro que o feito do atleta é digno de todos os flashes. Mas a figura do homem Bolt, que momentos antes brincava para "aparecer bem na fita", também o ajuda a brilhar. Ele é divertido, vaidoso, gosta e sabe levar a vida de forma leve. Ou seja, é um cara absolutamente normal - fora do normal é a velocidade que atinge nas pistas! Confira tudo isso nessa entrevista inédita, para o lançamento da campanha Puma LIFT Racer, da qual o esportista é o fashion garoto propaganda.


Contra-Relógio: O que você faz quando está em casa, na Jamaica, sem correr ou treinar?
Usain Bolt: Gosto de passar o tempo com os meus amigos, relaxando e conversando. Também jogamos vídeo game e vamos a festas.

Publicidade


Falando em amigos, parece que você passou por uma situação divertida nas últimas Olimpíadas...
Sim. Uma noite, meu colega de quarto Maurice Smith e eu ficamos batendo papo e rindo. Daí saímos às três da manhã para comer um lanche no McDonald´s e o tempo foi passando até o sol nascer. No dia seguinte meu treinador me perguntou a que horas eu tinha ido para a cama, pois eu parecia muito cansado. Levei bronca, mas valeu porque nos divertimos muito!


Você disse uma vez que se não fosse corredor seria jogador de críquete. Por que?
Meu irmão joga críquete. Se não estou treinando, adoro jogar com ele.


Também gosta de futebol?
Sim, futebol é demais. O Manchester United, da Inglaterra, é o meu time favorito. Adoro assistir aos jogos.


Como lida com o estresse?
Procuro levar a vida leve. Quando estou estressado, descarrego no PlayStation ou toco música. Inclusive também sou DJ e gosto de me apresentar no clube noturno Quad, em Kingston, na Jamaica. Meu estilo é reggae.


Você acredita que um dos segredos do seu sucesso seja a "alegria jamaicana de ser", onde dançar, sorrir e celebrar fazem parte do jogo?
Sim. Amo a Jamaica. É um lugar divertido e quente - eu realmente odeio o frio. Minha família está lá, todos são sempre divertidos e tenho muitas boas lembranças. É maravilhoso. A Jamaica é parte principal de quem eu sou.


Quais são as qualidades essenciais para se ter sucesso?
As que me levaram ao topo: estar mentalmente forte, focado e trabalhar duro.


O que o faz mais feliz: bater o recorde mundial, ganhar muito dinheiro ou ver que você conquistou respeito?
Ganhar respeito é o mais importante. Trabalhei muito duro e por um longo período, então obter o reconhecimento é maravilhoso.


Você se liga em moda?
Sim. Gosto de roupas e calçados confortáveis, mas o estilo também é muito importante para mim e a Puma me ajuda nisso. Os tênis Puma LIFT, por exemplo, são muito leves e têm uma aparência bacana. Gosto de colocá-los depois de um longo dia de treinamento. Também fazem sucesso quando me apresento como DJ.


É verdade que a única solicitação que você fez para seu patrocinador após algumas medalhas de ouro foi um carro?
Sim, adoro carros. Ganhei uma BMW M3, que experimentei em um test drive em Munique. Dirigi o veículo em alta velocidade, mas como estava chovendo não pude usar todo o seu potencial. O carro que testei foi o mesmo que levei para casa. Foi um presente incrível.


Imagine que você se apaixonasse por uma garota que, após alguns meses, pedisse para você parar de correr por temer que se machucasse. O que faria?
Por favor, garotas, não me peçam para escolher... Definitivamente, eu ficaria com a corrida. Se vocês me amam,
irão me apoiar.


Como é seu dia normal de treinamento?
Levanto às nove da manhã e faço treino de resistência e peso três vezes por semana: às segundas, quartas e sextas. Meu foco principal no momento é ficar mais forte, então estou lá fazendo isso acontecer! Também faço treinamento de pista à tarde e à noite, cinco vezes por semana.


E como é sua alimentação?
Não tenho um especialista em dietas nem um nutricionista. Também não controlo as calorias que consumo. Minha comida favorita é carne de porco e inhame, que combinam de forma fantástica.


O que o "Bolt Lighting" (Bolt, o iluminado) pensa nas frações de segundo antes de começar a correr? E ao chegar à linha final?
Como sou alto para um velocista, a parte mais difícil da corrida é sair dos blocos. Tenho que focar completamente em minha partida. Sou bom em vir de trás, então imagine se eu realmente começar rápido! Cada vez que atravesso a linha de chegada, tenho novos pensamentos. Geralmente não presto atenção ao tempo, a não ser que eu esteja tentando bater um recorde. Então, posso olhar para o cronômetro. Caso contrário eu fico feliz se fiz o meu melhor.

6 Respostas para “USAIN BOLT: um cara “normal””

  1. Faltou falar da alimentaçao

  2. merecidamente,esse rapaz é vencedor.

  3. é isso mesmo.vencedor nato

  4. usain bolt ele e uma expiração o melhor velocista

  5. Dificilmente aparecerá um bolt daqui há 100 anos ele é fantastico

  6. Que pessoa fabulosa! Se já admirava apenas vendo, imagine conhecendo mais. Amei a matéria.Ah! Não vou pedir para parar de correr…por favor, corra bastante, de preferência no Brasil.

Deixe o seu comentário


Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados