Revista Contra-Relógio
// Matérias de Capa //

Guia do Tênis de Corrida: avaliamos 45 modelos, para facilitar sua escolha

Edição 174 - MARÇO 2008 -

O principal equipamento do corredor, o tênis merece, com razão, todas as atenções. Enfim, é mais do que conhecida a importância do calçado para uma boa performance, para se evitar ou minimizar lesões ou, simplesmente, para se correr de forma mais agradável, especialmente no que se refere à batida do pé no chão, através do amortecimento que os tênis de corrida oferecem.


Publicidade


Use o Guia do Tênis da CR, com todos os tênis testados pela revista, desde 2008. CLIQUE AQUI



Mas não é apenas o amortecimento que deve ser lembrado pelo corredor na hora de escolher o que vai por nos pés. Ele é importante, mas por vezes por demais valorizado, quando na realidade outras qualidades precisam ser levadas em conta, ou seja, estabilidade, flexibilidade, leveza, conforto e durabilidade, sem contar o preço, lógico.


Foi com o objetivo de avaliar essas características que a Contra-Relógio decidiu dar um novo tratamento ao Guia do Tênis de Corrida que temos publicado há algum tempo, até em duas edições por ano. Desta vez, com a coordenação do editor de arte Sérgio Rocha, e colaboração do editor Tomaz Lourenço e da repórter Yara Achôa, a revista testou (correndo) e analisou todos os modelos enviados à redação, escolhendo um grupo representativo das principais marcas atuantes no mercado brasileiro de corrida, com destaque para os que estão chegando nas lojas. De quase de uma centena pares de tênis chegados à redação, fizemos uma seleção que está apresentada nas páginas do Guia.


Além dessa inovação pioneira da CR, trazendo informações objetivas e críticas aos leitores, ao contrário de tradicionais publicações com informes apenas positivos e genéricos das marcas, a revista optou por premiar alguns modelos de acordo com 5 critérios:


Escolha do Editor
O modelo escolhido pelo experiente editor Tomaz Lourenço que completou mais de 30 maratonas e até a Comrades na África do Sul.


Melhor Compra
Leva em conta a qualidade do calçado e seu preço


Melhor Lançamento
Para o modelo efetivamente novo que se destacou nas avaliações


Melhor Atualização
Para o calçado que obteve grandes melhorias ao passar por reformulação


O Melhor para Competição
Destaca o melhor tênis de baixo peso, que é boa opção para competição e treinos de velocidade


Essas premiações visam realçar alguns modelos, mas como se pode ver nas páginas seguintes, as diferenças de qualidade, preço e peso entre os vários tênis são muito pequenas. Ou seja, o leitor dispõe de várias e boas opções, ficando sua escolha às vezes por critérios muito subjetivos, como a cor, o visual do calçado e a marca.


Mas o ideal é procurar fazer uma compra mais técnica, avaliando a flexibilidade do calçado (a dobra na base do dedão), experimentando-o para ver se a forma se adequa ao formato do pé, estudando o cabedal (a parte de cima do tênis) para ver a ventilação, o acabamento (sem costuras, se possível), a qualidade do material empregado etc. E principalmente procurar saber para que tipo de pisada o modelo é indicado, pois este detalhe continua sendo o mais importante na hora da escolha, apesar de algumas marcas apresentarem tênis para qualquer pisada


Como o tipo de pisada é a informação mais significativa que teve ter o corredor, vale, mais uma vez, apresentar uma forma simples de se saber esse detalhe, para aqueles que não têm acesso a uma avaliação mais técnica, em lojas especializadas, entregas de kit de provas e outros locais. Para tanto, o caminho é o "Teste do pé molhado" (na página 42) para descobrir qual seu tipo de pé, que por sua vez é o principal definidor da pisada. A relação é a seguinte:


Pé normal Pisada neutra
Pé cavo Pisada supinada
Pé plano Pisada pronada


Veja mais:


Teste do Pé Molhado


Tabela de Referência Rápida


Guia parte 1


Guia parte 2


Guia parte 3


Guia parte 4

17 Respostas para “Guia do Tênis de Corrida: avaliamos 45 modelos, para facilitar sua escolha”

  1. Caramba !!! Correr com qualquer tipo de tenis é um crime, digo isto por não ter conhecimento legal da forma dos meus pés.
    Agradeço todas estas dicas que foram deixadas para aqueles que querem melhorar sua forma física e obterem um melhr resultado calçado um tênis coreto com sua forma de pé. Obrigado e um grande abraço.

  2. Tenho o pé normal e o joelho operado 2 vezes: Menisco e Ligamento Cruzado Anterior, com pé neutro, de acordo com o teste do pé molhado.

    Corro entre 2 a 3 vezes por semana e as vezes sinto dores no joelho operado ou musculares.

    Gostei do post e gostaria de saber se há alguma sugestão para mim.

    E a respeito do Assics Gel Nimbus 12, que sugere-se para pés neutros e levemente pronados, seria uma boa escolha?

    Qual seria a melhor escolha de aportecimento?

    Atenciosamente,
    Estefano A. B.

  3. Muito bom este teste do “jornal molhado”. Cheguei a conclusão que tenho Pé Cavo Pisada Supinada, então achei interessante pois vou procurar o tênis adequado.
    Onde consigo sugestões de tênis?
    at,
    Eduardo

  4. muito bom

  5. Aqui, Eduardo:
    http://revistacontrarelogio.com.br/guiadotenis/

    Abs

    Sergio

  6. Muito boa esta matéria…Gostaria de saber onde posso fazer o teste técnico em loja física para confirmar qual tipo de pé tenho.
    Grata,
    Re

  7. Excelente matéria, agora vou poder comprar o tênis adequado e chegar bem nas corridas.
    Gratíssima
    Abraços
    Zélia

  8. Muito bom!

  9. boa tarde…estou iniciando corridas na esteira,porem meus pes estao ficando feridos e dolosos,segundo teste o modelo dos meus pes é (pé cavo,supina)qual tenis é o mais indicado p mim?obrigada! aguardo retorno.

  10. Oi Rachel

    Procurea os tênis para corredores com pisada supinada em nosso guia (clique aqui)

    Abs

    Sergio

  11. Me desculpe, mas não sou a favor do teste do pé molhado. Corro há anos e sou pronador, se dependesse desse teste eu seria neutro. Quando corro com algum tênis que não seja para pisada pronada sinto dores nos joelhos. O mais indicado é procurar uma loja especializada para fazer o teste. De acordo com esse teste, só seria pronador quem tem pés chatos, sendo que mais de 80% da população mundial é pronador….

    ————————-

    Oi Pablo,

    Lógico que o melhor seria que todos tivessem acesso a um teste de pisada de qualidade. O teste do pé molhado é apenas uma referência. Mas te digo que nem todos os testes de pisada são perfeitos e por vezes geram resultados conflitantes.

    Abs

    Sergio

  12. A revista está de parabéns pelo conteúdo do site,e apesar do guia do tênis dar um norte aos corredores de primeira viagem, quantos aos veteranos, como eu, acho necessário a atualização deste guia de tênis pois de 2008 pra cá houve muitos lançamentos, novas tecnologias, exemplo disso é o NIKE VOLMERO + 6,o guia ainda cita o VOLMERO + 2. O MIZUNO WAVE CREATION 12, o guia ainda cita o CREATION 9.
    Abraço a todos,

  13. Tenho Pé Cavo, pisada supinada, então achei interessante pois vou procurar o tênis adequado. Onde consigo sugestões de tênis? Gosto do asics e mizuno.

    ———-

    Acesse o nosso guia do tênis no site que você encontrará várias opções.

    http://revistacontrarelogio.com.br/guiadotenis/

  14. Boa noite, eu comprei ontem um asics (gel nimbus 13), minha pisada é supinada… corri hoje foi um desconforto só… estava usando o mizumo me falaram que o asics é melhor no meu caso nem chegou perto, amanhã mesmo irei compra um Mizuno Wave Creation 13.

    abraços,

  15. Como devo respirar quando estou treinando?
    Solto o ar pela boca ou nariz ///

  16. de acordo com os desgastes de meus tenis e sapatos fechados, o desgaste é na parte de dentro para fora, isso significa q é pisada pronada moderada.
    aqui o texte do jornal q preferi faer em folha branca deu pisada neutra.
    vou tbm comprar um mizuno wave 13.

  17. A matéria é excelente. Util e básica para quem deseja protejer os pés, as articulações e o bolso.

Deixe o seu comentário


Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados