Revista Contra-Relógio
// Turismo //

Corra 21 ou 42 km ao lado dos Alpes

Edição 261 - JUNHO 2015 - FERNANDA PARADIZO

E aproveite para conhecer a cidade mais bonita da Suíça: Lucerna!

O mês de outubro é uma boa época para encarar uma prova na Europa. E não é só por causa da temperatura amena, que proporciona boas performances. A exemplo de muitos eventos nos Estados Unidos e América do Sul, os europeus também brindam os participantes com distâncias de maratona e meia. Não bastasse isso, o destino para o Velho Continente tem sido uma boa opção para aqueles que, mesmo em época do crise, não abrem mão de viajar. Por isso mesmo, a dica de evento deste mês vai para uma prova na linda Lucerna, na Suíça.
Conhecida por ser sede de vários festivais internacionais de música, a cidade fica situada na parte central do país, às margens do Lago de Lucerna e com vista para os montes Pilatus e Rigi. O trajeto da Swiss City Marathon mostra toda a beleza da região, passando pelos principais pontos turísticos e seguindo pelas margens do lago, de onde é possível ter uma magnífica vista dos Alpes. A largada e a chegada acontecem na frente do Swiss Transport Museum.
Como a cidade respira música, pode esperar muita animação ao longo do trajeto, com 30 bandas dos mais variados estilos. A corrida é muito bem organizada e o percurso é praticamente todo plano.
Um dos pontos altos da prova é a passagem pela comuna de Horw, faltando cerca de 8 km para o final e onde acontece também a largada das 5 milhas. Além da grande animação do público que ali se concentra, há vários pontos de entretenimento musical e ainda barracas que oferecem o melhor da gastronomia local.
A marcação da prova é feita em quilômetro e os postos de abastecimentos estão localizados aproximadamente a cada 5 km. O limite de término da maratona é de 6 horas.

Publicidade


PEQUENA E BELA. Lucerna fica localizada a 45 km ao sul de Zurique e oferece grande entretenimento para os turistas que chegam à Suíça. Não é à toa que é considerada a cidade mais bonita do país e que possui todos os atributos geográficos e arquitetônicos num só lugar. Com localização privilegiada, às margens do Lago de Lucerna, a cidade é repleta de ruas estreitas e floridas, prédios históricos e montanhas sempre à vista.
A cidade é pequena e bem fácil de se locomover. Portanto, você não precisará despender muito tempo da sua programação para conhecer as principais atrações. Isso se você quiser aproveitar a viagem para conhecer outras cidades suíças ou da Europa.
O Lago de Lucerna tem a mais extensa navegação da Europa e uma viagem por ele proporciona um panorama incrível dos Alpes. Um passeio de barco pelo lago leva cerca de 50 minutos.
Claro que quem vai à Suíça não pode deixar de explorar os Alpes. Bem pertinho de Lucerna fica o Monte Pilatus, com 2.120 metros de altura e que está entre as mais íngremes montanhas da Europa. Há um teleférico que leva as pessoas até o topo em 30 minutos. Se preferir, pode se aventurar a uma viagem de trem de 50 minutos, que tem um percurso com inclinação de 45 graus. Leve corta-vento e camadas de roupa extras porque lá em cima venta muito e a sensação térmica é de mais frio. Outras duas montanhas interessantes são o Monte Rigi e o Monte Titlis, este o mais impressionante de todos. Ambos tem várias atividades bacanas para quem curte aventura ou simplesmente quer apreciar a vista.


MUITAS PONTES. Como a cidade fica às margens do lago, o que não falta é ponte antiga para atravessar de um lado para outro e também para apreciar. Não deixe de passar pela aquela que é considerada a de madeira coberta mais antiga da Europa: a Ponte da Capela (ou Kapellbrücke). Ela foi construída em 1333 e preserva muito da sua característica original. No seu interior, você vai encontrar 112 pinturas do século 17, que foram restauradas e retratam a história da cidade. Bem no meio da ponte, há a Wasserturm, uma torre de água, que já serviu de torre de observação, arquivo municipal, câmara de tortura e até prisão.
Falando em construção antiga, nada melhor do que uma volta pelo centro histórico para revisitar a história da cidade, com suas inúmeras residências antigas e seus brasões (expostos numa placa ornamentada), suas fontes e pinturas. Um dos marcos da cidade é a capela Hofkirche, com duas torres pontudas. Ela é uma das igrejas mais valiosas da época do renascimento alemão.
Não deixe também de visitar o Leão Ferido, uma grande escultura de pedra esculpida em rocha, datada de 1820 em homenagem à Guarda Suíça, que combateu na Revolução Francesa e protegia a família do rei Luís 16. Hoje, a Guarda Suíça é responsável pela proteção do Vaticano.
Outra atração imperdível é passear pela muralha medieval (Museggmauer), uma construção quase intacta e construída em 1331. Ao longo dela, há nove torres, sendo algumas aberta ao público e com entrada gratuita, como a Time Tower, que tem um relógio de 1535 e por dentro dá para ver como eram construídos estes mecanismos. E de cima das torres você terá uma linda vista da cidade.
Outro local interessante é o Museu Suíço de Transporte, onde acontece a largada e chegada da prova. O local abriga mais de 3 mil itens em exposição e que contam a história do transporte ferroviário, rodoviário e aquaviário na Suíça.


COMO CHEGAR. A melhor forma de chegar a Lucerna é por Zurique, a maior cidade da Suíça e que fica a somente 45 km de Lucerna. Depois é pegar um trem em direção à estação Bahnhof; sai a cada meia hora e custa 30 francos suíços por pessoa. A viagem demora cerca de 1 hora e vai proporcionar belas paisagens, passando pelo Lago Zurique até chegar ao Lago Lucerna.
A Swiss Air tem um vôo direto de São Paulo para Zurique, que sai por cerca de 1.300 dólares e tem duração de 11h35. Outras companhias aéreas, como Iberia, TAP, TAM, Air France e KLM também fazem voos de São Paulo e outras capitais brasileiras para Zurique com uma ou duas paradas, mas que são bem mais em conta. Se você se programar com antecedência, pode conseguir passagens por até 800 dólares.



MARATONA E MEIA DE LUCERNA
Data: 25/10/2015
Local: Lucerna, Suíça
Provas: 42 km, 21 km e 8 km
Temperatura: em torno de 10 graus
Inscrições: podem ser feitas pela internet, no site oficial do evento, ao valor de 90 a 130 francos suícos para a maratona, de 65 a 85 para a meia-maratona e de 40 a 50 para a prova de 8 km (5 milhas)
Número de participantes: 7 mil
Início da prova: a partir das 9h para a maratona e meia-maratona e às 13h25 para as 5 milhas
Largada e chegada: em frente ao Swiss Transport Museum
Entrega de kit: na Expo, nos dois dias que antecedem à corrida, montada no Hotel Schweizerhof Luzern
Premiação: medalha para todos os concluintes, além de classificação por categoria (18-19, 20-29, 30-34, 35-30, 40-44, 45-49, 50-54, 55-59, 60-64, 65-69, 70-74 e mais de 75 anos)
Postos de hidratação: de 5 km em 5 km
Tempo-limite: 6 horas para a maratona e 3 horas para a meia
Site oficial: www.swisscitymarathon.ch

Deixe o seu comentário


Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados