Revista Contra-Relógio
// Desafio Caixa / CR //

Começa a entrega das camisas

Edição 238 - JULHO 2013 - ANDRÉ SAVAZONI

Desafiantes de sucesso poderão retirar o “troféu” no estande da CR na Expo etapa de São Paulo da Golden Four Asics ou receber pelos Correios a partir de agosto


O primeiro lote das camisas do Desafio Asics-CR 21k será distribuído para os desafiantes de sucesso na Expo da Golden Four São Paulo, no dia 27 de julho, no estande da Contra-Relógio. Depois, a partir de agosto, daremos início também à entrega pelos Correios, mediante o pagamento da taxa de envio.
Quem for retirar na Golden Four ou optar pelos Correios, pode entrar em contato a partir de meados deste mês de julho pelo e-mail desafio@contrarelogio.com.br, informando o tempo obtido e a cidade onde mora para receber os dados necessários para a conclusão do processo.
Além disso, os desafiantes inscritos e que conseguirem o tempo almejado - sub 1h30, sub 1h40 ou sub 1h50 - poderão também receber a camisa após concluírem a Golden Four SP no Jockey Clube. Para isso, será necessário aguardar a confirmação oficial do resultado. Mais próximo da data, completaremos as informações no Blog da CR, no site da Contra-Relógio (www.contrarelogio.com.br).
E neste ano a chance de quebra de recordes pessoais na etapa paulistana cresce de possibilidade com as alterações no percurso (veja no mapa), que sofreu críticas em 2012 devido aos cotovelos dentro da USP. Agora, os corredores largam no mesmo ponto, em frente ao Jockey, mas seguem em direção à Ponte Cidade Universitária, cruzando-a no sentido do Parque Villa-Lobos. Na volta seguem na USP, incluindo a Avenida Politécnica e retornam para o Jockey, somente pela Avenida da Raia, sem cotovelos ou subidas (como a do "Cavalo", na edição passada). Boa parte do trajeto é semelhante ao da Meia da Corpore, considerado muito rápido. Mais informações sobre as etapas de 2013 da Golden Four Asics e inscrições no site www.golden4asics.com.br. Lembrando que os assinantes da Contra-Relógio têm 10% de desconto.

Publicidade


RECORDES - E os desafiantes vão batendo as metas estipuladas para o ano. A Meia das Cataratas, em Foz do Iguaçu, foi palco de muitos recordes. Como o de Luiz Alves, de Maringá, PR, que fez 1:26:36. "Agradeço imensamente o incentivo da revista, que me possibilitou baixar o recorde pessoal na distância em mais de três minutos. Estarei no estande na CR na Golden Four São Paulo para retirar minha camisa", afirmou Alves. "Eu bati meu recorde pessoal na Meia de Foz (sub 1h50) no dia 26 de maio e isso graças a esse Desafio", disse Breno Lúcio Medeiros de Matos, de Taubaté, SP, que fez 1:48:13. Já Emerson Tinoco da Silveira, de São Sebastião do Paraíso, MG, comemorou a marca de 1:40:52 também em Foz do Iguaçu.
Outra que pode comemorar hoje o sub 1h50 e correndo "em casa" é Elecí Teresinha Camargo Denes, de Foz do Iguaçu, PR, que completou a Meia das Cataratas em 1:47:17. "Aproveito para mais uma vez parabenizar a revista por esta excelente iniciativa; somos humanos, somos competitivos, e este Desafio é sem dúvida uma grande motivação para melhorarmos as nossas marcas. A camiseta da Asics será erguida como um troféu. Obrigado, Contra-Relógio", afirmou Sandro de Freitas Cabral, também de Maringá, outro a bater o sub 1h30 na Meia das Cataratas: completou os 21 km em 1:27:22.
"Estimulado pelo convite da Contra-Relógio, resolvi encarar o Desafio de ser sub 1h50 nos 21 km. A tarefa parecia muito complicada uma vez que nunca tinha feito uma meia-maratona na vida e a situação era ainda mais problemática devido a uma lesão no tornozelo direito, que me deixou completamente fora dos treinos entre abril e agosto de 2012. A recuperação foi lentamente e a sensação de voltar ao início era desanimadora, ainda mais que ainda teria de perder os 7 kg adquiridos durante o tempo parado", contou Manoel Cândido de Lima Ramos, do Rio de Janeiro. "Mas com o tempo o corpo começou a dar sinais de que estava pronto para evoluir novamente e foi quando o Desafio da revista surgiu. O que era apenas um desejo de completar uma prova de 21 km foi acrescido da meta de tempo a ser cumprida. Um desafio ainda maior e era exatamente o que eu estava precisando naquele momento como combustível para treinar. O meu tempo foi de 1:47:43 na Golden Four Asics do Rio. Parabéns à revista por ajudar os seus leitores a superarem suas metas."

Deixe o seu comentário


Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados