Revista Contra-Relógio

Fique atualizado com as últimas informações do mundo da corrida

// Últimas/

Maior da história, São Silvestre cresce e se aproxima de 26 mil concluintes

3/janeiro/2018

Marcelo Ferrelli/Gazeta Press

Marcelo Ferrelli/Gazeta Press

A edição 93 da Corrida Internacional de São Silvestre entrou para a história com o recorde de corredores: de acordo com os dados disponibilizados pela organização, foram 25.958 concluintes (7.985 mulheres e 17.973 homens), além das categorias especiais.

O crescimento foi amplo na comparação com a prova e 2016, quando 23.577 corredores completaram os 15 km em São Paulo.

Os números colocam a São Silvestre como uma das maiores provas do mundo e, individualmente, é a maior da América Latina.

O Comitê Organizador considerou positivo o balanço para tentar coibir a presença de atletas não inscritos (“pipocas”), como o controle de acesso e dinâmicas que buscaram priorizar o corredor oficialmente inscrito.

Dos cerca de 50% de pipocas em 2016, segundo dados da organização, neste ano a estimativa foi que cerca de até 10% insistiram em entrar ilegalmente durante o percurso.

Apesar dessa significativa queda e do sucesso na entrega de kits e posicionamento do público na largada e chegada, algumas atitudes negativas ainda ocorreram, ressaltando a falta de cidadania e de respeito por parte dos fraudadores.

Houve atletas que passaram o número para não inscritos e que foram identificados pelas câmeras ao longo do percurso, sistema de vídeo da chegada e câmeras colocadas nos postos de água (novidade deste ano). Este tipo de fraude resultará na desclassificação e no banimento destes fraudadores no cadastro na São Silvestre e dos demais eventos da organização técnica. Como exemplo, corredores de uma assessoria de Sorocaba que correram com o mesmo número (que foi copiado).

A nota oficial sobre esse tema, disponibilizada pela Yescom, é a seguinte: “O Comitê Organizador irá excluir números duplicados mesmo que leve algum tempo. As pessoas serão identificadas por fotos de outros eventos e nos sites de vendas de fotos e todos terão seus CPFs bloqueados no sistema. Copiar o número fere o regulamento e a lei. Donos dos números que se inscreveram e cederam para cópia serão notificados e receberão as devidas medidas perante a lei. A pessoa que cedeu o número terá seu cadastro bloqueado em todas as provas da São Silvestre . Já a Yescom fará o mesmo e estas pessoas não poderão mais se inscrever nas provas da Yescom. A Assessoria Run Up terá seu cadastro bloqueado nas provas da Yescom e não terá mais espaço para montagem de tendas. A partir de 2018 será assim”

Houve também quem se inscreveu como idoso para desfrutar do desconto sem ter esse direito. Segundo a organização, todos serão reconhecidos e notificados.

Como essa avaliação ainda é manual, mesmo que o resultado seja publicado, ao longos dos próximos dois meses assim que for confirmada a fraude eles serão excluídos e banidos do cadastro da São Silvestre e de outras provas da organização técnica (o que pode alterar também a classificação geral da São Silvestre).

Postado em: São Silvestre por André Savazoni às 19:50

Uma resposta para “Maior da história, São Silvestre cresce e se aproxima de 26 mil concluintes”

  1. Prova melhorou muito em relação ao ano anterior, largada tranquila, boa hidratação no percurso e chegada muito boa., Parabéns organização.

Deixe o seu comentário

// outros blogs //

Blog da CR

"Este ano eu entro no Ranking!" Participe do Desafio CR!>> LER POST

Na Corrida

Detalhes da Maratona de Santiago>> LER POST

Linhas de Chegada

Treino para Maratona gera RP nos 10km>> LER POST

Vida Corrida

Primeira Maratona de Diogo Junqueira.>> LER POST

Publicidade

Calhau

Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados