Revista Contra-Relógio

Rodrigo Lucchesi é engenheiro de formação e corredor de coração, esporte que adotou em 2001. Corre pela endorfina e para poder comer chocolate e tomar açaí sem culpa.

Na Comrades, uma homenagem ao amigo falecido

20/julho/2015

A famosa ultramaratona Comrades, uma das maiores e mais tradicionais do mundo, teve sua 90ª edição no último dia 31 de maio. Se apenas concluir esta prova já é uma conquista inesquecível para qualquer corredor, para o ultramaratonista pernambucano Israel Gomes Neto, Tenente Coronel do Exército Brasileiro, a Comrades terá sempre, em sua memória, um significado muito especial.

Diz a história que a prova foi idealizada em 1921 pelo soldado sul-africano Vic Claphams, como um evento para ajudar as famílias devastadas pela 1ª Guerra Mundial, e para reacender a camaradagem entre os soldados sobreviventes. Sem querer, nosso Tenente Coronel Israel acabou correndo a prova da forma mais fiel ao seu significado original.

“Senti alegria por representar o Estado de Rondônia na Rainha das Maratonas, em solo africano, acompanhado por uma centena de outros brasileiros, fazendo o que um ultramaratonista mais gosta de fazer: correr muito! Mas também tinha um lado bastante triste: a recente perda, justamente numa corrida, na cidade de Garanhuns-PE, de um companheiro de turma, que cursou comigo a Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), entre os anos de 1989 e 1992.“ explica Israel.

Israel viajou para a África ainda abalado com a inesperada morte do seu companheiro de farda, o Tenente Coronel Cândido, carinhosamente chamado de “Passarinho”. Se antes o desafio era apenas completar a prova, agora Israel tinha um objetivo a mais: homenagear seu amigo.

Em vários momentos da prova os sorrisos, aplausos e gritos “Go Israel”, que vinham do público não eram suficientes para esquecer o sofrimento com a perda do amigo. Durante as quase nove horas de prova, esteve com a bandeira Brasileira distendida (como na foto) e constatou o quanto nós, brasileiros, somos queridos, mundo afora.
Na chegada, cruzou a linha com o grito: “Essa foi pra você, Passarinho!”

Israel não só concluiu a Comrades, como teve o 6º melhor tempo entre os 129 brasileiros inscritos (apenas 87 brasileiros concluíram), fechando a prova em 8h40m. Segundo o atleta, este também foi o melhor tempo de um atleta do Norte/Nordeste do Brasil na Comrades.

Tenho certeza que seu amigo “Passarinho”, onde quer que esteja, está orgulhoso da sua conquista e feliz com a homenagem recebida. E o fundador da prova, Vic Claphams, satisfeito de ver a camaradagem (que foi a inspiração para a criação da prova) mais viva do que nunca.

Contatos:

Postado em: Entrevista, Estilo de Vida, Provas, Ultramaratona por Rodrigo Lucchesi às 19:22
2 comentários »

29/março/2015

Brasileiros participam do Engadin Swim Run na Suíça

Já pensou ter que correr e nadar mais de 50 km pelos Alpes Suiços? Os atletas Arthur Borelli e Cesar Miguel Momesso já! E eles vêm treinando duro para serem os primeiros representantes brasileiros neste evento de altíssima dificuldade.
Leia mais>>>



// outros blogs //

Últimas

Revezamento 4x400 m masculino garante vaga no Mundial de Atletismo de Londres>> LER POST

Blog da CR

Vamos a Medellín? Pacote de três dias para assinantes da CR com a EC Tavares>> LER POST

Na Corrida

Correr em Paris, uma experiência única e inesquecível>> LER POST

Vida Corrida

Mesmo com uma rotina difícil, treinar é possível>> LER POST

Publicidade

BRUXAS

Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados