Revista Contra-Relógio

Rodrigo Lucchesi é engenheiro de formação e corredor de coração, esporte que adotou em 2001. Corre pela endorfina e para poder comer chocolate e tomar açaí sem culpa.

// Linhas de Chegada/

Ho-Ho-Ho

29/dezembro/2014

Meio que por acaso, meio sem querer, acabei fechando 2014 com uma corrida diferente, daquelas que nunca imaginei que faria: corri vestido de Papai Noel!

Obviamente esta corrida não foi no Brasil, ninguém ia ser louco de montar uma prova assim em pleno verão. Fui passar 1 semana nos Estados Unidos de férias e, como bom corredor, pesquisei se haveria alguma corrida por lá.

Queria qualquer corrida, de qualquer distância (até 21km) só para participar de uma prova em um lugar diferente (e ganhar minha medalha, claro!). Mas eis que a única corrida disponível em Miami no fim de semana em que estava lá era esta de Papai Noel: “Fort Lauderdale 5k Jingle Bell Trot”.

Todos inscritos ganhavam um kit que consistia em número de peito e roupa do papai noel, que vinha com uma calça, paletó, gorro e barba. O mais interessante é que não havia tamanho de roupa para escolher. Era “one size fits all” ou seja, tamanho único. Como era de se esperar, a calça ficou um pouco larga em mim, mas graças ao meu FlipBelt, consegui prendê-la, e correr sem que ela caísse.

Vesti a roupa inteira para tirar umas fotos, mas na hora de correr tirei a barba. Apesar de uma minoria não estar usando a roupa, achei legal entrar no clima e correr fantasiado. Afinal de contas, estava ali para isso, então porque não?

A enorme maioria dos corredores estava ali literalmente a passeio, com carrinhos de criança, cachorros, caminhando de mãos dadas, etc, mas eu não sou desses. Queria bater meu recorde pessoal na categoria “5km-vestido-de-papai-noel”! Brincadeiras a parte, tinha curiosidade em ver em quanto tempo conseguia  fazer os 5km de calça e paletó, depois de 1 semana sem correr e comendo sem culpa.

Até que consegui correr bem, depois de desviar dos caminhantes, e manter um ritmo forte (para mim). Na segunda metade da prova, confesso que tirei o gorro e amarrei o paletó na cintura, por causa do calor. Cheguei com 23:51 e ainda fiquei em quinto lugar de 53 na faixa etária. Nada mal para um papai noel iniciante!

Feliz 2015!

Contatos:

Postado em: medalhas, Provas por Rodrigo Lucchesi às 22:34

Deixe o seu comentário

// outros blogs //

Últimas

Inscrições da Meia-Maratona do Sol chegam ao segundo lote>> LER POST

Blog da CR

"Este ano eu entro no Ranking!" Participe do Desafio CR!>> LER POST

Na Corrida

Detalhes da Maratona de Santiago>> LER POST

Vida Corrida

Primeira Maratona de Diogo Junqueira.>> LER POST

Publicidade

VELOCITA

Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados