Revista Contra-Relógio

Vicent Sobrinho é jornalista e desde que correu sua primeira corrida de rua, em abril de 1979, nunca mais parou. Dos 100 m à Maratona, já fez mais de 600 provas.

A ESCURIDÃO em uma SUBIDA – Crônica para Dinacleia Galdino!

22/fevereiro/2016

CR 1-Run 2016 20 02 - Inclusão na USP (14) Poderia ser…
No Rio de Janeiro, na Mesa do Imperador…
Em Belo Horizonte no Belvedere… Mas, aconteceu em São Paulo, foi há alguns dias lá Cidade Universitária. Num local de trânsito mais seguro e controlado e por isso que é preferido por milhares de corredores que se deslocam até a USP para treinar o “longão” nos fins de semana, um dos poucos lugares que percorresse 15 km sem repetir trechos, serve também para  treinamento mais específico como tiros, fartleks e ladeiras.

E como gosto sempre de lembrar – A Corrida imita a Vida – querendo ou não – é certo que devemos estar preparados para muitas descidas e subidas que certamente está porvir.

A ESCURIDÃO em uma SUBIDA –
Crônica para Dinacleia Galdino!

No Rio de Janeiro os amantes da corrida encaram a subida da Mesa do Imperador…
Em Belo Horizonte é mais comum afinal na Terra das alterosas –  onde prá qualquer lado que vá o corredor ou está subindo ou descendo. Mas, é confirmado que muitos seguem até o “point” Belvedere e se for a pé, para lá chegar,  haja sofrimento num sobe desce tresloucado. E em São Paulo muitos buscam as subidas lá na USP nas Ladeiras invertidas do Matão ou da Biologia…

CR 1-Run 2016 20 02 - Inclusão na USP (30)Planilha à Cumprir!
Todo apaixonado por corrida de rua sabe da dificuldade daqueles dias que na planilha acusa um treinamento mais exigente, específico. Agora, imagine-se realizando um esforço hercúleo para cumprir sua série de cinco subidas num naquele sábado abafado, e, sim lógico que sabia da dureza e por isso, desde segunda se preparou psicologicamente para cumprir com a planilha.
E tanto para mim quanto para você que está lendo esse texto e que sabe como deve ser para os iniciantes? E a partir desse momento você é um Iniciantes na corrida, o mesmo que quando na ação se torna criança, sempre cheio de sonhos e medos, mas sempre na busca de evoluir e poder correr cada vez mais e com melhor qualidade. ASSIM se esmera em cumprir o indicado, para se aceitarem melhor Corredor a cada dia, e para isso um “árduo” momento chega, o de encarar um tipo de treino mais que necessário na vida de um atleta.Fundamental! Àquele tipo indicado para que você não sofra muito, mesmo sabendo que vai SIM! No que é normalmente o mais difícil de uma prova?  SIM, treinar para encarar as temidas SUBIDAS.
 Novato  todos  SOMOS !
Ah… E agora se sentirá um NOVATO – Apague a luz – Aliás –  Imaginasse “Dinacleia” correndo com olhos totalmente fechados, “no breu” e na silenciosa escuridão.  SIMMMM… Correndo em qualquer uma dessas subidas que você conhece… Ah e hoje o treino será repeti-la por cinco vezes.

E lá está você no “escuro” sendo puxado por uma cordinha por outro corredor – o GUIA. Sim, você quer mais dificuldade. Então agora se tornou um CEGO e terá que cumprir a lição de casa… Cinco subidas, num quase calorento 30 graus às 9 horas da manhã ok ? Escolha uma subida de verdade uma de aproximadamente 800m de subida –  Insana, e agora que você já passou da metade do treino e está na exaustiva quarta subida… Na rápida caminhada da descida, puxada pela Guia, aproveita rapidamente a brisa que sopra e curte na inércia aquela  sensação de LIBERTADE que é um dos maiores prazeres da CORRIDA… e Sorrindo a toa, porque sabe que o final está próximo – Só falta uma ladeira.
“…. blá … blá … Brummmmm….”
Mas, o que foi isso. Algo soa mal demais… Sim…  Você sente um mal estar, uma sensação ponte aguda como a de um arame farpado atravessando pelos ouvidos… Os olhos lacrimejam e o sal do suor escorre pro canto da boca que de salgada fica amarga. E seu guia indignado não esconde a respiração ofegante… E o coração oprimido o faz impotente e desacredita. . . Mas, num soluço… Grita… Ah… Vá se F….
E mesmo sabendo que o INFELIZ dono da frase está 500 metros distanciando…o desabafo foi em vão e o Treino é abortado… Chega por hoje !

CR 1-Run 2016 20 02 - Inclusão na USP (25)OFENSIVO ! Maledicente!
Quando um dito cujo – acomodado no meio de um grupo de por acaso:  ciclistas – porque poderia ser uma torcida uniformizada, o instinto foi o mesmo, quando descia velozmente o que era subida para Dinacleia, quando ela foi alvejada em seu silencio por quem começou a Vociferar:
“ Era só que FALTAVA um Cego correndo aqui também na USP.?” E na seqüência um palavrão.

Dinacleia observou: “A sensação que tive é que não tenho o mesmo direito. Não posso usufruir do mesmo espaço. Afinal, para ele Eu não vim para treinar.  Vim aqui para atrapalhá-lo!?”

Caminhada pela Inclusão de deficientes USP com Achilles Internacional Brasil
Caro corredor.  Agora mais do que olhos abertos – mas, principalmente de mente aberta, saiba que Dinacleia Galdino, 26 anos, viveu essa agressão na subida da rua da Biologia, ela ressaltou:  “Eu treino aqui há dois anos.Nunca aconteceu isso. Mas, percebi que o rapaz estava realemte incomodado com minha presença. Creio que ele não é dono do espaço público, ninguém é, nem eu. É público é pra todos e para nos deficientes também!”
Dinacleia, já corre desde 2011, fez São Silvestre, os quatro dias correndo 5 km, 10 km, meia maratona e uma maratona do Desafio do Dunga, e se prepara para Maratonas e Meias Maratonas. Edicleia há dez anos ela adquiriu a deficiência visual que progrediu a cegueira total.  “O Esporte tem sido fundamental para mim, noção corporal, de espaço, e me ajuda ficar integrado com mais pessoas e conhecer novas. É inclusão realmente. Eu preciso do esporte!”

CR 1-Run 2016 20 02 - Inclusão na USP (42)Passadas entristecidas
Pedindo consciência pela inclusão social para os deficientes, o corredor Roberto Itimura veio de Jundiaí protestar juntamente com aproximadamente 50 participantes da passeata que percorreu km na USP. “É importante sim expor esse acontecimento, em nosso país a cultura do respeito ao deficiente é uma luta diária e tem que ser conquistado! A USP é de corredores, ciclista, patinadores – É um espaço público de convivência!”
A Achilles International é uma entidade de Guias para a prática esporte com a intenção de incluir os deficientes intelectuais, visuais e físicos. O Diretor Mario Luiz Rollo definiu a passeata para Dinacleia como um dia triste: “Não é fácil. Sou de uma época que os ciclistas ofereciam água aos corredores e dividiam o espaço. Entendo que cresceu demais a população aqui dentro da USP. Sinto com pesar é a falta de educação.O mínimo para se viver em sociedade é o respeito a integridade física do próximo. Prá que agredir diretamente as pessoas? A Achilles tem 35 atletas com deficiência e preparados 50 guias que se revezam para atendê-los. Essa luta é de todos nós!”

Dinacleia Gaudino faz parte da ONG Achilles International que luta pela inclusão para que o maior número de pessoas com deficiência tenham mobilidade e inclusão pelo esporte. Dinacleia tem como guia a fisioterapeuta Lúcia Guimarães, experiente corredora que desde 2003 é guia Achilles. Lucia, assim como eu e você percebemos que não é fácil correr em subidas e na escuridão social da não aceitação  – de ser humilhado e ter que engolir ofensas e o preconceito excludente e egoísta, e ver um “esportista”se transformando num rebelde sem causa, incapaz de perceber que CEGO é aquele que não quer Enxergar e aceitar as Diferenças.

Postado em: Atualidades, Crônica, Depoimento, Eu estava lá!, Historia da corrida de rua por Vicent Sobrinho às 0:47
3 comentários »

30/janeiro/2016

34ª ” Volta ao Cristo” em Poços de Caldas. Preparados ?

                      Já é tradição reservar o último domingo de janeiro para viajar à cidade de Poços de Caldas/MG que já se prepara para receber mais de 1500 inscritos, corredores que vão estrear ou mesmo retornar para encarar o que julgam ser o primeiro desafio do ano.
Leia mais>>>


12/janeiro/2016

Medalha e Valores

Aos 14 anos com as minhas Primeiras duas medalhas - ouro e prata.
Leia mais>>>


28/agosto/2015

10K + 5K + 1K – Simular a prova para sofrer menos!

Assim como estudar, o  treinar, sem dúvidas, é a única fonte da certeza do sucesso na busca de objetivos, ou seja, quem treina com coerência, se dedicando com seriedade, no momento da competição terá maior segurança fisiológica, força psicológica e principalmente se sentirá mais FORTE e por isso sofrerá sim, mas será menos doloroso se assim não se preparasse.
Leia mais>>>


30/julho/2015

Maratona para Sophia “Fiat Lux”. . .

No espaço de Um Segundo.
Leia mais>>>


3/março/2015

João: Você nunca será o último! MESMO! ! !

Por:  Vicent Sobrinho 01/março/2015 Um ano após, se repete a cena dessa vez demorou um pouco mais que o ano passado, dessa vez havia preocupação de porque ele não chegava.
Leia mais>>>


19/janeiro/2015

Treino no Pico do Jaraguá – Só para os fortes !?

Qualquer corredor urbano ou não, que está acostumado a correr provas nos percursos planos ou com poucas subidas, ao se inscrever para a tradicional VOLTA ao CRISTO de Poços de Caldas/MG já sabe,  é muito aconselhável treinar em subidas para provas como esta que é quase especifica de montanha, não fosse 70% dos 16k percorrida nas ruas asfaltadas da cidade e na estrada de até o topo do morro de São Domingos.
Leia mais>>>


4/setembro/2014

Inscrições abertas – Eu Atleta Belo Horizonte

[caption id="attachment_3387" align="alignleft" width="400" caption="Largada da corrida do Circuito EU ATLETA.
Leia mais>>>


23/junho/2014

Corredores homenagearam Zé Béttio

[caption id="attachment_3317" align="alignleft" width="250" caption="Momentos antes da largada - Lama a vista.
Leia mais>>>


13/maio/2014

Capivari – Corrida 5 e 10k gratuita e com qualidade

Essa é para você que ainda não tem uma corrida agendada para o dia 1º de Junho, que cairá num domingo.
Leia mais>>>


« Mais Antigos

// outros blogs //

Últimas

Revezamento 4x400 m masculino garante vaga no Mundial de Atletismo de Londres>> LER POST

Blog da CR

Vamos a Medellín? Pacote de três dias para assinantes da CR com a EC Tavares>> LER POST

Na Corrida

Correr em Paris, uma experiência única e inesquecível>> LER POST

Linhas de Chegada

Muita transpiração, pouca inspiração>> LER POST

Vida Corrida

Mesmo com uma rotina difícil, treinar é possível>> LER POST

Publicidade

Fisiorun

Publicidade

















11 3031.8664
Rua Hermes Fontes, 67
São Paulo - SP





© 1993 - 2014
Todos os direitos reservados